A 26ª edição do Festival Internacional de Curtas-Metragens de São Paulo acontece entre os dias 19 e 30 de agosto de 2015. Com patrocínio da Petrobras, o festival dirigido pela produtora cultural Zita Carvalhosa e organizado pela Associação Cultural Kinoforum apresenta gratuitamente cerca de 400 filmes, dos mais variados países, em diversas salas de cinema da capital paulista: MIS, Espaço Itaú de Cinema – Augusta, CineSesc, Cinemateca, Centro Cultural São Paulo, Cine Olido e Cinusp.

Um dos cinco maiores eventos do gênero em todo o mundo, o festival tem como tema neste ano a mobilidade urbana, que será retratada em diferentes programas e atividades, como um passeio ciclístico até o elevado Costa e Silva (Minhocão), com projeção de curtas na fachada de um dos prédios da região, filmes brasileiros que abordam o trânsito e os deslocamentos urbanos, e uma seleção do Festival Internacional de Clermont-Ferrand, na França, com produções que têm a bicicleta como foco.

Além das mostras tradicionais (Internacional, Latino-americana, Mostra Brasil, Panorama Paulista, Cinema em Curso e Oficinas Kinoforum) e dos programas fixos do festival, como a Mostra Infantojuvenil, a Quinzena dos Realizadores e a Semana da Crítica, a edição número 26 traz outras atrações na programação.

Do festival inglês de animação e curtas-metragens Encounters será apresentada uma seleção especial de curtas. O evento exibirá episódios da série A Copa passou por aqui, idealizada por Jorge Furtado, da Casa de Cinema, e dirigida por nomes como Ardiley Queirós e Lázaro Ramos, e também uma mostra de fotofilmes, com lançamento de livro de Marcello Tassara, realizador do primeiro fotofilme da ECA/USP. Entre os títulos selecionados para este ano, destaque para o vencedor da Palma de Ouro em Cannes em 2015, o libanês Waves’98 (foto), de Ely Dagher.

(Fonte: Sofia Carvalhosa Comunicação)

Veja também

As duas abas seguintes alteram o conteúdo abaixo.
avatar
Cinema e cultura pop com opinião!
avatar

Últimos artigos dePapo de Cinema (Ver Tudo)

Comentários